Cesta do Povo: 100 lojas da rede privatizada devem gerar 1500 postos de trabalho - Jornal Camaçari - Pra quem quer mais!

terça-feira, 8 de outubro de 2019

Cesta do Povo: 100 lojas da rede privatizada devem gerar 1500 postos de trabalho


Cerca de 100 lojas da rede Cesta do Povo devem ser inauguradas na Bahia nos próximos dois anos. A informação foi divulgada nesta terça-feira (8/10) pelo diretor da rede, Joel Feldman, durante a reinauguração do mais novo mercado, localizado na Avenida General Graça Lessa (Ogunjá), em Salvador. Somente nessa loja foram gerados 300 empregos. 

Fique bem informado! Clique e siga-nos no Facebook e Instagram.

A unidade da Cesta do Povo no bairro da Sete Portas, inclusive, deve ser inaugurada até o final do mês de janeiro e deve ser uma das mais modernas lojas do Brasil. "É importante dizer que o DNA do preço baixo é marca da cesta do povo e que não iremos perder nunca. Temos uma capacidade de competir em preços que nos deixa posicionado com qualquer supermercado do Brasil”. 



O governador Rui Costa participou da inauguração nesta terça. É a 41ª loja privatizada da Cesta do Povo no estado. "O nosso foco é geração de empregos e espero que em breve a gente possa comemorar a abertura de novas lojas e com mais geração de empregos”, afirmou. A rede Cesta do Povo, segundo a gestão estadual, gera mais de 1500 postos de trabalho. 

Joel Feldman também pontua que foi assinado um protocolo de intenções entre a rede Cesta do Povo e a Secretaria de Desenvolvimento Rural do Estado (SDR) para que os produtos oriundos da agricultura familiar baiana sejam comercializados na rede de supermercados.