O presidente Jair Bolsonaro assinou o decreto com o valor do salário mínimo de R$ 998. O valor é o que consta na LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) aprovada em julho pelo Congresso e representa um aumento de 4,6% do valor atual, de R$ 954.


A decisão coube a Bolsonaro no primeiro dia como presidente empossado porque Temer não assinou o decreto antes de deixar o mandato presidencial.

O valor é inferior aos R$ 1.006 aprovados pelo Congresso e a redução se deu devido à diminuição da expectativa de inflação.