Com informações do Correio 



As polícias Federal, Civil e Militar estão cumprindo 15 mandados de prisão temporária e 12 mandados de busca e apreensão em Salvador e Lauro de Freitas, durante uma operação conjunta deflagrada na manhã desta quarta-feira (21) para desarticular organizações criminosas especializadas em assaltos a carros-fortes que atuam na Região Metropolitana de Salvador. 

Estão sendo cumpridas, ainda, medidas de bloqueio de contas bancárias utilizadas pelos investigados. Os mandados foram expedidos pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Lauro de Freitas. Cerca de 100 policiais federais, civis e militares participam da ação.

Os investigados responderão pelos crimes de roubo, organização criminosa e associação para o tráfico. De acordo com a Polícia Federal, o principal modus operandi dos grupos investigados consistia em roubar os malotes com o dinheiro no momento em que era feito o seu recolhimento pelas transportadoras de valores em estabelecimentos comerciais.

Segundo a PF, diante do aumento de ataques a carros-fortes, em julho deste ano foi iniciada uma investigação conjunta visando identificar e desarticular os grupos que seriam responsáveis por esses assaltos.

Ao longo das investigações foi possível identificar três grupos distintos, cujos integrantes eventualmente se associavam para a realização de alguns crimes. Foram comprovados pelo menos dois assaltos praticados pelos investigados durante o curso das investigações. 

Outros três assaltos foram frustrados em decorrência da intervenção policial. Dois integrantes dessas quadrilhas foram presos e um morto em confronto com a polícia Os investigados, além de atuarem em conjunto nos assaltos aos carros-fortes, atuavam também isoladamente, em assaltos a estabelecimentos comerciais e no cometimento de outros delitos.