Redação Jornal Camaçari 



Luiz Caetano (PT) teve seu registro de candidatura de deputado federal indeferido. Por 7 a 0, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgou, cassou e tornou o político inelegível por 5 anos.

O julgamento ocorreu na noite desta terça-feira (27). O petista foi enquadrado na Lei da Ficha Limpa. Todos os votos recebidos durante a eleição de 2018 foram cancelados.

Caetano foi condenado por improbidade administrativa e acusado de desviar recursos públicos na época em que era prefeito de Camaçari.