Morre, aos 42 anos, o ator Leonardo Machado, da novela Viver a Vida



Morreu na sexta-feira (28), em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, o ator Leonardo Machado, conhecido por participações em novelas na Globo e com um currículo que incluía mais de 20 longas-metragens. Ele tinha 42 anos e lutava, desde 2016, contra um câncer no fígado. O gaúcho estava internado no Hospital Moinhos de Vento. 

Na Globo, esteve em três minisséries, como Na Forma da Lei, no ar em 2010. Em novelas, iniciou a carreira em 2001, em O Clone, mas o destaque veio ao interpretar Léo, em Viver a Vida, folhetim que foi ao ar de 2009 a 2010. 

Sua atuação elogiada no longa Em Teu Nome rendeu ao ator um Kikito de melhor ator no Festival de Cinema de Gramado. Ao longo de 20 anos de carreira, Leonardo Machado atuou em 11 peças de teatro, 18 séries, 5 novelas 36 curtas-metragens e 26 longas.

Em 2011 co-dirigiu a série Fim do Mundo e, em 2012, iniciou a carreira de produtor nos longas A Oeste do Fim do Mundo, A Superfície da Sombra, com direção de Paulo Nascimento.

Recentemente, ele foi visto na tela grande no filme Teu Mundo Não Cabe nos Meus Olhos, ao lado de Edson Celulari. Atualmente, Leonardo Machado está em cartaz no filme Yonlu. 

Existem, ainda, dois filmes nos quais atuou que ainda não estrearam. São eles: Legalidade, do diretor Zeca Britto, no qual Leonardo interpreta o político Leonel Brizola, e A Cabeça de Gumercindo Saraiva, de Tabajara Ruas. 

Leonardo Machado será velado neste sábado (29), na Sala Álvaro Moreyra do Teatro Renascença, em Porto Alegre, das 10 horas às 17 horas. Após o velório, em cerimônia fechada para amigos e familiares, ele será cremado no Crematório Metropolitano.

Estadão Conteúdo