A Campanha de Vacinação contra a Pólio e o Sarampo foi prorrogada pela segunda vez na Bahia. Agora,  a imunização acontecerá até sexta-feira, 21. A decisão foi tomada pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesab) na manhã desta segunda-feira, 17, uma vez que o estado está próximo de atingir a meta de 95% de crianças entre um e menores de cinco anos imunizadas. 

A prorrogação acontece após ser confirmado, na última sexta-feira, 14, um caso de sarampo em Ilhéus, no sul do estado. Trata-se de um amazonense de 38 anos que viajou de Manaus para a cidade baiana já com a doença, segundo a Sesab. Ele chegou em Ilhéus em agosto e passou por exames, até a confirmação de que ele foi infectado pela doença.


Com o novo prazo, a orientação da Sesab é que os municípios que ainda não atingiram a meta deem continuidade à vacinação, conforme orientações técnicas já estabelecidas. 

“Além disso, a confirmação do caso importado de sarampo, no município de Ilhéus, reforçou a necessidade de ampliar o prazo para que aqueles que não levaram as crianças para vacinar, possam fazer isso dentro do novo prazo”, esclareceu o coordenador do programa Estadual de Imunização, Ramon Saavedra.

Até esta segunda, a Bahia está com 92,57% de cobertura vacinal, segundo dados do sistema Si-PNI, do Ministério da Saúde. 

A população alvo a ser vacinada, tanto para pólio como para sarampo, na Bahia, é de 849.361 para cada vacina. A meta da Sesab é vacinar 95% dessa população. 

Até o momento, 131 municípios ainda não atingiram a meta vacinal. Na Bahia, 785.585 crianças foram imunizadas contra a poliomielite, e 786.274 foram vacinadas contra o sarampo.