O lateral direito Daniel Alves não precisará passar por cirurgia após ter sofrido um estiramento em um ligamento do joelho direito, nesta terça-feira (08), durante a final da Copa da França entre Paris Saint-Germain e Les Herbiers.

“Os exames realizados hoje mostraram uma alta desinserção do ligamento cruzado anterior com entorse póstero-externo. Sua condição requer um mínimo de 3 semanas de cuidados antes de nova avaliação”, informou a assessoria do jogador, em nota.


Caso consiga se recuperar a tempo, o atleta ainda poderá ser convocado pelo técnico da Seleção Brasileira, Tite, para disputar a Copa do Mundo da Rússia.

O anúncio dos 23 jogadores escolhidos para a Copa será feito na próxima segunda-feira (14), às 14h.