Quem cai primeiro, o governo ou a ponte do Parque Verde? 9 meses depois da interdição, apenas um dá indícios


Próximo há um ano e cinco meses de gestão do prefeito Antônio Elinaldo na Prefeitura Municipal de Camaçari, não podemos negar que tivemos "muitas mudanças na saúde, educação e na geração de empregos". Tudo isso só foi possível devido as mudanças das calçadas do município, que permitiu a tranquilidade da população, sanando todos os problemas emergenciais citados anteriormente. Lembrando que o fechamento das UPA'S e a concentração na unidade da Gleba A, ficou ainda melhor!

Levando em conta quem é bom de ironia, recentemente a cidade passou a contar com mais um benefício que foi inaugurado por Elinaldo, o chamado CEU (Centro de Artes e Esportes Unificados) localizado no bairro Phoc III. Este por exemplo foi uma grande ''ingenuidade'' do ex-prefeito Ademar Delgado, que poderia ter inaugurado em seu governo. Quadra de futebol sem as traves, parque infantil com dois pedaços de grama, e muro de divisão para as residencias de arame e madeira, não foram problemas para o atual governo, que de muito maroto inaugurou do jeito que estava, para botar os nomes do Prefeito e Vice naquele quadro que fica nas dependências do equipamento.

CEU (Centro de Artes e Esportes Unificados) -  Imagens que você não viu

A casa do medo

Se já não bastasse toda essa desinteira administrativa, os camaçarienses agora contam com uma Câmara Municipal amplamente investigada pelo Ministério Público, onde Presidente e Vice-presidente, ambos da base do governo, tiveram suas prisões requeridas pelo Ministério Público na última sexta-feira (13). Que azar, não?


Sem brio, mas também como teria?

Recentemente lançaram a campanha do vice-prefeito José Tude a deputado estadual. Mas o fiasco já é sentido tanto pelos governistas quanto pelos apoiadores. É possível ouvir nos quatro cantos da cidade que a campanha é praticamente perdida por conta da fragilidade do governo de ''Helinaldo'', que muito assemelhasse com um ex-prefeito não eleito diretamente, mas que garantiu lugar no maior fiasco administrativo da história de Camaçari. Tá com cara de repeteco. Vai um biscoito com Ki-suco ai?


Cadê meu peixe?

Peixe mesmo só aqueles que se trata pela aproximidade das ''amizades''. Dele é claro. Visto que prometeu a reativação da Vaca Mecânica em campanha, mas até agora o que conseguiu fazer foi retirar a entrega do peixe da Sexta-Feira Santa que é tradição não só em Camaçari como na Região Metropolitana. Pra você ter uma ideia, a compra do peixe estimularia a economia da região da orla da cidade e em contra partida, beneficiaria muita gente que precisa de auxilio social. 


E a ponte?

A ponte segundo o governo cai, mas como as apostas deles tem sido o fiasco escrito, autenticado e carimbado, é difícil saber se vai cair mesmo. Além que já tem 9 meses interditada, e ainda não caiu. Mas com toda esta obra das calçadas que ocupa todos os Secretários do Governo, ela deve pensar mais um pouco e aguentar quem sabe mais uns 2 anos e  meio e se tornar promessa de campanha para 2020. Você dúvida?

Como não dá pra afirmar exatamente quando é que aquela ponte vai cair, deixo a resposta desta pergunta, na mão dos servidores municipais, professores, comerciantes, estudantes e os demais cidadãos camaçarienses. E ai, quem cai primeiro?

Destemido? Não! Verdadeiro

''É impossível atravessar uma multidão levando a chama da verdade sem queimar a barba de alguém''. Georg Lichtenberg

Coluna Quebra-Queixo