O ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, preso desde o dia 7 de abril na sede da Polícia Federal, em Brasília, terá que pagar R$ 16 milhões para ter direito à progressão da pena e permanecer menos tempo na cadeia, segundo a Folha de S. Paulo.

Lula foi condenado a 12 anos e um mês pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4).  Já José Dirceu deverá pagar R$ 11 milhões para obter a progressão. Ele foi condenado a quase 30 anos de prisão.