Camaçari: celebrando carreira, Tiririca arranca gargalhadas no Clube Social

Foto: Reprodução/Inovar Textos

Uma celebração a sua vida e carreira. É assim que pode ser descrito o show “Minha História” que o humorista Tiririca apresentou na noite deste domingo (18), no Clube Social de Camaçari. O evento, que teve a produção local de Mary Produções e One Produções, atraiu fãs de todas as idades para acompanhar o espetáculo e a carreira gloriosa do nordestino nascido em Itapipoca, no interior do Ceará.

E foi desse modo que o show começou, com um vídeo contando o início da vida de Tiririca, desde seu nascimento até a fase jovem. Ao som do seu maior sucesso e responsável pela sua fama “Florentina de Jesus”, Tiririca subiu ao palco “pela primeira vez de novo outra vez”, como o próprio brincou.

Sempre interagindo com o público, o artista se mostrou sempre bem à vontade para apresentar ao público camaçariense fatos engraçados da sua história, desde quando começou sua carreira, ainda em Fortaleza, até hoje. “A vida de pobre é uma desgraça, mas tem momentos bons também”, disse, afirmando ainda que com ele não foi diferente.

Até quando a vida lhe reservou momentos de mudança positivas, como a vez que recebeu um telefonema do empresário Arnaldo Saccomani para assinar com sua gravadora e se mudar definitivamente para São Paulo, momentos peculiares e muito bem-humorados foram lembrados pelo comediante.

Tiririca relembrou de sua trajetória no circo, da sua infância ainda no interior do Ceará e infortúnios da mudança para a cidade grande. E como toda boa celebração à história, personagens importantes participaram do espetáculo, como seu filho Antonio Everardo e sua esposa Nana Magalhães.

E as interações não pararam, próximo do fim do show, seis pessoas do público foram até o palco concorrer ao prêmio Arrombados de Camaçari, criado pelo humorista, fazendo os concorrentes descerem até o chão. O vencedor levou para casa um CD de Tiririca e um prêmio da Bibi Gourmet, apoiadora do evento.

Antes de encerrar e ser ovacionado pela plateia, após alguns números musicais, o humorista exibiu um vídeo com momentos especiais que vivera na televisão brasileira, como seu programa na extinta TV Manchete, sua participação em programas como o do Gugu, Faustão, Hebe Camargo, Jô Soares e Fábio Porchat, além dos programas em que atuava, como A Praça é Nossa, Show do Tom e Pânico na TV.

Tiririca acredita que todos esses momentos felizes que viveu foram frutos de tudo de bom que plantou em sua vida. “É que nem diz a música: ‘tudo o que você faz, um dia volta pra você e se você plantar o mal, o mal mais tarde você vai ter de viver’. Então eu plantei o bem”, concluiu.

Considerando um exemplo para muita gente, Tiririca desabafou sobre ser uma estrela do humor vindo de uma região pobre como o Nordeste. “Um artista circense, vindo do interior do Ceará, discriminado total e hoje nos grandes palcos da vida, no meio do humor. Eu agradeço muito a Deus”, afirmou.

Agradecido, Tiririca ainda deixou uma dica para quem tem sonhos como ele um dia teve. “Cada artista tem seu público, mas o Tiririca conseguiu abranger todos e se aconteceu comigo, pode acontecer com qualquer um. O lance é você ter fé em alguma coisa e correr atrás e não ficar parado esperando que aconteça”, completou.

Inovar Textos