Um experiente artista do Cirque du Soleil morreu após cair no palco durante uma apresentação com fitas aéreas em um espetáculo de final de semana em Tampa, na Flórida, informou a companhia no domingo.

O incidente aconteceu na noite de sábado quando Yann Arnaud, de 38 anos, caiu durante apresentação do show VOLTA, de acordo com o Cirque du Soleil Entertainment Group. O artista francês morreu em decorrência de seus ferimentos em um hospital próximo.

Arnaud se apresentava em shows do Cirque du Soleil havia 15 anos e era considerado um dos artistas mais experientes da companhia, disse o presidente do grupo, Daniel Lamarre, em entrevista por telefone.

"Nós ficamos muito surpresos, considerando a sua experiência, que algo como isso tenha acontecido", disse Lamarre, falando de Tampa, onde foi para ficar com o elenco do espetáculo. "Não posso descrever como as pessoas se sentem. É terrível."

A morte é a terceira envolvendo um artista do circo nos 34 anos da companhia, disse Lamarre, acrescentando que o ato com fitas aéreas é considerado um número relativamente seguro.

Reportagens da mídia local dizem que Arnaud aparentemente perdeu o controle da fita e caiu, encerrando imediatamente o espetáculo. A polícia de Tampa disse que o incidente está sob investigação da Administração de Segurança e Saúde Ocupacional dos Estados Unidos.