Foto: Lenielson Pita


Na próxima segunda-feira (23) Camaçari e Dias D’Ávila comemoram o Dia do Comerciário, data que será celebrada com uma grande festa, sem fins lucrativos, promovida pelo Sindicato dos Comerciários. Na Praça Abrantes, no Centro de Camaçari, a partir das 9h, trabalhadores participarão do evento com direito a feira de saúde, festival de prêmios e música.

Aferição de pressão, medição de glicemia, orientação nutricional, consulta e exame oftalmológico serão alguns dos serviços oferecidos gratuitamente, além de ginástica laboral, recreação infantil e corte de cabelo masculino.


A programação inclui, ainda, palestras sobre trânsito e DSTs (Doenças Sexualmente Transmissíveis), orientação para cursos profissionalizantes com a faculdade Estácio de Sá e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). O Serviço Social do Comércio (Sesc) também estará presente para confecção de carteirinhas para garantia do acesso aos benefícios da instituição, a exemplo do clube localizado em Piatã e o consultório odontológico.  

De acordo com o presidente do Sindicato dos Comerciários, Nildo Santana, o evento existe há mais de dez anos, porém, essa será a primeira vez que a festa é realizada em um espaço público para toda a categoria e a população. “Queremos inovar e envolver o maior número de associados possível, aproximando cada vez mais o trabalhador ao sindicato”, afirmou.

Mais de 45 mil profissionais trabalham no setor em Camaçari e Dias D’Ávila e para além da festa, Santana ressalta que este dia deve ser para lembrar a importância destes trabalhadores para a economia local. “O comerciário hoje é ferramenta chave para a economia do comércio. Tudo gira em torno dele e apesar de ser a profissão mais antiga, é uma profissão que agora se regulamenta”, pontuou.


Cada comerciário associado terá direito a um bilhete grátis para participar do festival de prêmios organizado pelo sindicato. Serão sorteados fogão, celular, geladeira, duas cestas básicas no valor de R$1 mil (hum mil reais), cinco cestas básicas no valor de R$500 (quinhentos reais), entre outros itens, e diversos brindes. A partir das 13h, os comerciários ainda irão dançar e cantar ao som do Grupo Arrocha, Betão do Samba e Jhonny Rios.