Primeiro clássico do ano no Barradão terá torcidas de Bahia e Vitória

fevereiro 08, 2018


Depois de seis Ba-Vis com torcida única, o clássico baiano vai, enfim, voltar a contar com a participação dos torcedores de Bahia e Vitória em um mesmo estádio. A informação foi confirmada nesta segunda-feira, 5, pelo promotor do Ministério Público do Estado da Bahia, Olímpio Campinho.

“O presidente da Federação Bahiana de Futebol (FBF), Ednaldo Rodrigues, me ligou e perguntou se recomendaria a torcida única. Eu disse que não”, falou Olímpio, em entrevista ao Globoesporte.com.

O próximo Ba-Vi está marcado para o dia 18 de fevereiro, no Barradão, pela 6ª rodada do Campeonato Baiano. De acordo com Olímpio, o fim da torcida única foi possível devido ao bom comportamento das torcidas nos últimos clássicos disputados.

“Tivemos seis Ba-Vis sem casos de violência. Temos o resultado dos seis Ba-Vis, que foi exitoso”, explicou.

A mudança, no entanto, não está garantida para todos os clássico de 2018. Por ora, a decisão vale apenas para o próximo confronto. A partir do comportamento dos torcedores, a imposição da torcida única pode ou não voltar.

“Por enquanto, só posso dar minha definição em relação ao próximo clássico, que não será torcida única”, resumiu.


Há cerca de uma semana, torcedores de Vitória e Bahia iniciaram uma campanha nas redes sociais para pedir o fim da torcida única.

Além da criação da hashtag “OBaViÉNosso”, uma comissão para representar os interesses desses torcedores chegou a ser montada.

De acordo com a assessoria de imprensa do Vitória, o clube ainda não foi informado da decisão e só vai se posicionar após receber uma notificação do Ministério Público.

Anteriormente, o clube havia se manifestado sobre a possibilidade de usar o setor dos visitantes para comercializar ingressos com preços mais baratos para o torcedor rubro-negro no próximo Ba-Vi.

Com o fim da torcida única, essa não seria mais uma alternativa para a diretoria do Leão. De acordo com Campinho, em contato com a reportagem, a acerto inicial é para que se siga o Estatuto do Torcedor – 90% dos ingressos para o mandante e 10% ao visitante.

A recomendação

A torcida única nos clássicos entre Bahia e Vitória foi recomendada pelo Ministério Publico após o primeiro Ba-Vi de 2017, quando um torcedor foi morto e outro baleado no entorno da Fonte Nova. Depois desse clássico, os outros disputados no ano aconteceram sem torcida visitante.

Foram três Ba-Vis com torcida única na Fonte Nova e outros três no Barradão. O Rubro-Negro venceu um, o Tricolor venceu dois, e aconteceram outros três empates.



Outras Notícias
© Improta e Andrade Comunicação LTDA
Camaçari em Foco Notícias